...I want to know you, better than I know myself, I want to feel the end, and enjoy the consequence ♫♪


segunda-feira, 4 de julho de 2011

That's me!

Vejo a beleza na gota da chuva que toca o chão
ou no frígido vento de outono que com leveza,
carrega as folhas das árvores pará os mais belos horizontes
e até mesmo na temerosa chama da vida, e da morte;
Me emociono com as milhares de matizes e contrastes
que os elementos projetam, quando entrelaçados entre si.

Sinto a beleza nos diversos
Possíveis tons e semitons entre dó e si,
e também sons que minha mera inteligencia humana
não pode explicar.

Sou uma simples criança sensível
A qualquer sensação que o universo possa proporcionar
e que sente e enxerga beleza e sentimento
onde para muitos, ou todos! não tem.

Mergulho em mundos e submundos
Onde a vã consciência humana não pode alcançar;
Minha sede de auto conhecimento é insaciavel;
Quanto mais caminho em mim, mais trilhas e atalhos vejo a frente.

A necessidade de liberdade me obstringe,
A gana de fugir da realidade me enlouquece
E o sentimento de solidão me desalenta

Prezo mais do que tudo o irreal, mas respeito a realidade,
pois a minha realidade é o irreal.

M.C Khal

sábado, 2 de julho de 2011

Fuck it all, the life is mine (y)

Não sei se quero sair, me divertir um pouco ou se quero ficar isolado dentro de casa, dormindo...

Odeio essas fases que eu sinto meio que uma indecisão vindo da minha alma; não sei se quero sair, esfriar a cabeça ou se quero ficar em casa no "no meu mundo". Putz! será que esses pais de atualmente não conseguem enxergar um palmo alem do próprio nariz? só sabem criticar, falar que tudo esta errado e acima de tudo querem que suas vontades predominem... Será que é tão dificil parar por um mero segundo e pensar se algo esta errado?; não que eu queira que eles se coloquem no meu lugar, por que isso deixaria o ambiente horrivelmente denso para mim, sem falar que eles me tratariam como um problematico, sei lá! eu só queria que eles esquecessem da minha existência e não criticassem minhas atitudes, basta! isso é o suficiente.

"O tempo parou"... como assim? não sei =/
Simplesmente sinto como se estivesse estagnado no tempo e vejo lentamente tudo acontecendo a minha volta, a rotina, as pessoas, o mundo girando e etc. mas eu simplesmente não me movo, não sei se não tenho vontade de me mover, se não posso me mover ou se estou tentando me mover... só sei que me sinto parado no tempo; o mais estranho é que eu quero fazer algo e sair deste mundo isolado, mas ao mesmo tempo que quero, perco a vontade (?). As vezes sinto medo de não conseguir gerir minha vida como um ser humano qualquer e acabar me cercando inteiramente por ilusões, sensações e psicoses... Pelo menos na minha vida eu deveria mandar!

A sociedade de alguma forma me sufoca!

Foda-se tudo. Foda-se a sociedade.